segunda-feira, 20 de outubro de 2008

viva la vida


eu estava de azul.chorando.então ferveram meu coração no fogão de uma cozinha escura e meio suja;meu coração,que era enorme,se abriu como uma planta carnívora(...)
meu amigo teve esse sonho comigo essa semana e perguntou se eu tava bem...essa semana foi surreal pra mim.melhor:fui fridakahlear essa semana (porque,apesar dos esforços de breton,frida não se dizia-nem era-surrealista).
desloquei o ombro e não pude apresentar duas peças em paraty com a minha turma.depois,tive uma obstrução na veia da perna (sim,uma trombose...parcial e profunda,na femural),fiquei em observação na emergência do hc da unicamp e aquilo foi cruel (fico pensando nessa porrra de sistema único de saúde até agora).depois fui transferida pra santa casa da minha cidade;
tomando remédios,injeções até na barriga (eu,que gosto de tomar vacinas,achei ok essa da barriga,mas tirar sangue o tempo inteiro não foi tão bom assim).e então eu tenho alta e venho aqui pra minha casa e acabo tenho sérios problemas..com um lado da família.então que assim seja.a gente continua.
hoje eu tô aqui,sem conseguir andar direito e obrigada a ficar mais uma semana,pelo menos,em repouso.eu!em repouso.só assim,mesmo.
rewindeando um pouco,no pronto socorro da unicamp eu via o cara com um tiro na perna,duas anoréxicas,uma mulher atropelada do meu lado (porque as macas ficam uma do lado da outra e,mesmo quem está sentado,está internado também,com soro.caos.),um outro velhinho super doente e que ficava gritando do meu lado (não,eu não consegui dormir a noite inteira por causa dele...dó!dele,de mim,dos outros),os médicos semideuses,os enfermeiros super grossos...penso que,DE FATO,a culpa não é de ninguém e sim da instituição.o enfermeiro é cuzão,por exemplo,mas a loucura naquela hospital é demais..eu mesma,com um dia e meio de "internação",tava prestes a ficar louca.aquela situação bizarra,maluca e absurda só denuncia uma outra coisa muito maior socialmente falando.foi muito brechtiana,a minha experiência.por falar em brecht,lembro que estou perdendo um processo de montagem na faculdade...isso me dói muito.aquele clichê de "tem gente pior"caiu por terra;mesmo vendo a galera fisicamente pior,tem tudo mais em volta:pra mim,eu tava mal.perdendo o semestre,privada das pessoas...a frida kahlo tinha que ser bem macho,mesmo,como disse a minha mãe,pra aguentar.
e aguentou.
vamo ae!
mancando,mas vamo ae.

3 comentários:

Sandrinha disse...

Caraca!!!

O lance do ombro é cruel (tô fazendo fisio até agora...rs) e qto a perna... putz, espero realmente que esteja melhor!

Qto ao SUS, isto não existe. É a maior balela do governo. Infelizmente, quem não tem convênio, só se ferra.

Qto a facul, aproveita para relaxar, para dar um tempo e se concentrar realmente no que você gosta. Estuda um pouco mais!

Qto a família... deixa, que talvez logo se resolve. Se não resolver, é pq não vale à pena.

Saúde, vida longa e se cuida!

Beijos, sumida!

Prince of Angels disse...

ai que foda !!
vc poderia ter me convidado para entrar nessa sua "semana maluca".
quis te visitar... esssa semana.. ams passou tao rapido!

fiz um texto para uma revista gay, a DOM, ve se esta bom? ta akee no blog a matéria, chama Sociedade e Rotulos

Cáritas disse...

É clichê, mas... muito real: se o desejo pesasse, trocava com você...
Que fique só o bom disso tudo.
Beijo